Marketing digital educacional: o que você precisa para começar na sua instituição de ensino

As instituições de ensino que possuem  gestão de marketing sentiram o impacto da pandemia de forma diferente daquelas que não utilizam  o marketing educacional como ferramenta. Isso por que o marketing digital educacional, para escolas e IES, tornou-se primordial como parte da estratégia. Se sua instituição de ensino não estava online, isso provavelmente mudou ou vai mudar.

Com o isolamento, gestores educacionais se viram frente a um cenário inédito: a antecipação da transformação digital nas instituições de ensino.Dentro disso, entra desde tomadas de decisão até o uso de ferramentas educacionais com bases tecnológicas.

Saiba mais da importância das edtechs para as instituições de ensino

Consequentemente, se  todas as áreas da instituição de ensino passam por uma  transformação digital, o marketing também é afetado. Se a sua instituição de ensino não conseguiu acompanhar a onda de lives, novas regras de posicionamento de marca, remodelação da estratégia de marketing, continue lendo e saiba como o marketing digital educacional pode ser implementado na sua gestão.

Como começar a usar marketing digital para escolas e IES

Primeiramente, é importante dizer que uma estratégia de marketing digital educacional vai além das redes sociais: elas são um dos braços da estratégia. Existem fatores importantes a serem levados em consideração na hora começar:

Objetivo: assim como no marketing tradicional, a primeira coisa que você deve ter em mente é seu objetivo.  

Não somente de campanhas, como retenção de alunos ou de matrículas,mas para objetivos mais robustos como, por exemplo, triplicar a receita ou tornar-se uma autoridade quando o assunto é educação.

É o objetivo que vai guiar a estratégia de marketing digital. E como no online coletar dados é mais fácil que no offline, falamos aqui de uma estratégia data driven, ou seja, onde as informações são mais precisas e você toma decisões mais acertadas.

Ferramentas de Marketing digital: como falamos, contar com redes sociais no marketing digital é ter uma parte da estratégia contemplada. Elas são um espaço em que se iniciam conversas, ou seja, é ali que você vai criar conteúdo e se relacionar com seus clientes e potenciais clientes. Porém,o marketing digital vai muito além disso.

Dentro do marketing digital educacional, uma das metodologias mais usadas é o inbound marketing ou marketing de atração. Mas, por que ele é tão usado no online? Simples: o inbound marketing baseia-se no velho e bom funil de compra, com base em atrair o cliente a partir de conteúdos pertinentes ou promoções atraentes. As ferramentas do marketing digital o tornam muito mais assertivo. 

Calma! A gente sabe que é bastante coisa. Por isso, separamos para você em duas seções que explicam melhor o marketing de atração por meio do digital:

Canais de atração:

No mundo online, você provavelmente vai alcançar muito mais gente do que se fizer peças em mídias tradicionais. Para atrair a atenção você lança mão de:

a) Redes sociais: escolha muito bem que rede social que vai ajudar você a atingir o seu público. Se todos estão no TikTok, é lá que a sua instituição de ensino deve comunicar? Leve em consideração o seu público e o seu discurso. Aproveite para fazer social listening.

b) Site: um site é como se fosse a base da sua estratégia. É para onde você quer que seus clientes e prospects se direcionem. Diferente das redes sociais, o  site é um espaço seu, em que você vai escrever de acordo com suas campanhas e objetivos.

c) Blog: mantendo um blog dentro do seu site, você pode desenvolver conteúdos interessantes para o seu cliente ou prospect.

d) SEO: a search engine optimization, ou a otimização de ferramenta de busca, é uma técnica usada para que o Google (ou outra ferramenta de busca) encontre o seu site. 

e) Landing pages: dentro do seu site, você consegue configurar landing pages, que são páginas de atração, em que o visitante deixa seus dados e vira o que chamamos de lead, ou seja, uma pessoa que entrou para a sua base de relacionamento. Para chamar a atenção do visitante, você faz uma oferta a ele, que pode ser um Guia, e-book, vídeo, entre outros. 

f) Mídia paga: dentro das redes sociais e de ferramentas de busca, como o Google, é possível fazer campanhas pagas para ter um alcance maior. Em campanhas pagas, é possível também segmentar o público e atingir mais assertivamente quem você pretende atingir. 

Canais de relacionamento:

  1. Email-marketing: após seu lead preencher a landing page, ele entra na sua base. Por meio do e-mail, é possível manter uma relação mais próxima e personalizada.  
  2. WhatsApp Marketing e Telegram: essas são ferramentas de relacionamento relativamente recentes. Por meio do Whatsapp, é possível manter seus clientes e possíveis clientes a par das novidades e ações que sua instituição está promovendo. Já com o Telegram, você cria um grupo de transmissão só seu, em que notícias e conteúdos importantes podem ser compartilhados.
  3. Redes sociais: sim, elas também funcionam como canal de relacionamento, além de escuta. Nas redes sociais, é possível tirar insights (conte com um community manager para ir além)  e resolver dúvidas do cliente (o SAC 2.0)

Dados para tomadas de decisão:

Dentro da estratégia de marketing digital, tudo é guiado por dados. Use e abuse das ferramentas de análise do Facebook e Instagram. Se sua estratégia contar com um site, faça sua integração com o Google Analytics e tenha dados como tráfego, páginas mais acessadas, horários de maior acesso, entre outros.

Como treinar minha equipe ?

O Marketing Digital Educacional pode ser bem novo para sua equipe de marketing. Tanto no momento de conhecer ferramentas de marketing digital, quanto na hora de criar a estratégia.

Uma dica bem valiosa aqui é conhecer bem sua equipe e entender quais treinamentos eles necessitam. Fazer um levantamento de necessidade de treinamento (LNT) é primordial. Assim, você encontra gaps e possíveis oportunidades.

Além disso, fique sempre atento às novidades do mercado. Um dos pontos altos do Conexão GV 2020, o evento online e gratuito da GVdasa, por exemplo, foi a palestra de Marketing Digital para instituições de ensino. 

Você pode acessar aqui link do evento para saber mais, além de acessar o artigo produzido pela #SocialBrain, agência que trouxe informações valiosas para a palestra. Seguindo esses primeiros passos, sua estratégia de marketing digital já começa bem e no caminho certo.



Deixe uma resposta