Enem 2020 e o futuro da educação: a quais fatores todo gestor deve ficar atento.

O Exame Nacional de Ensino Médio (ENEM), ferramenta utilizada para o ingresso em instituições de ensino superior no Brasil desde 2004, vem mexendo com as expectativas e certezas tanto de estudantes e professores, quanto de gestores educacionais. Tantas mudanças trazem questionamentos também sobre o futuro da educação, o uso da tecnologia e como a comunidade acadêmica pode ajudar alunos a se adaptarem a essa nova realidade.

Se você gerencia uma instituição de ensino fundamental, como você e sua equipe têm encarado as mudanças no ENEM? Veja como a tecnologia é fator decisivo e o porquê.

Quais foram as principais mudanças do ENEM 2020?

As provas do ENEM são tradicionalmente realizadas em dois domingos, tendo duração de até 5h30 cada, e são antecedidas de muita expectativa não só pelos alunos. 

A preparação tende a envolver professores, responsáveis e até mesmo a gestão de marketing da instituição de ensino, que pode desempenhar um papel muito importante promovendo campanhas para o momento.

Mas, o ENEM 2020 obrigou todos a repensarem seus papéis. Com diversas alterações de datas promovidas pelas mudanças ocasionadas pelo isolamento social devido à COVID-19, é necessário adaptar-se.

A grande novidade, além de tantas mudanças, é o ENEM digital, que prova a importância de a comunidade acadêmica ter mais familiaridade com a tecnologia na educação. Pela primeira vez a ser aplicado, o edital do Enem Digital, lançado dia 31 de março de 2020, deixa clara a sua importância: chegar a mais estudantes, em todo o território nacional.

O ENEM digital será aplicado da seguinte forma: os alunos acessam a plataforma, e no mesmo computador não terão acesso à internet ou outros documentos. 

Mas, e a prova impressa? Ela ainda é válida e o aluno deve optar se quer fazer de forma digital ou física.

As datas do ENEM são outro ponto importantíssimo quando se pensa nos desafios da educação nesse momento: as inscrições do ENEM foram finalizadas, mas as datas de execução das provas ainda não estão marcadas.

Por que a tecnologia na educação vai auxiliar gestores e alunos no ENEM?

O futuro da educação está pautado no uso adequado da tecnologia. Se muitos torciam o nariz para conceitos como edtechs, agora eles são fundamentais até mesmo para preparar alunos para o que está por vir, como aconteceu com o ENEM.

Dentre grandes benefícios que a tecnologia na educação traz neste momento estão a equidade, a personalização e o fomento à criatividade.

Equidade: a tecnologia permite que alunos com mais dificuldades em determinados assuntos apontem de forma orgânica esses gaps por meio de dados. Assim, é mais possível aos educadores terem turmas mais homogêneas e igualitárias.

Personalização: ter uma turma homogênea não significa dar o mesmo conteúdo aos alunos. A tecnologia também ajuda nesse sentido, já que permite que a comunicação seja feita de forma mais próxima.

Criatividade: com o uso de ferramentas tecnológicas adequadas tanto a equipe de gestão quanto educadores podem desenhar melhor a forma de acessar os alunos. A tecnologia abre portas para que a aprendizagem esteja focada no aluno e todos sejam curadores da informação mais adequada para ele.

A adaptação à tecnologia é um treinamento para que o aluno saia-se muito bem na hora de enfrentar uma prova digital. Mas superar o ENEM vai além de recursos técnicos.

Superando o ENEM, gestor! O futuro da educação é a proximidade 

Agora, mais do que nunca, a proximidade com o aluno é fundamental. Tanto para a tranquilização da família quanto para o apoio ao estudante não só no que diz respeito ao conhecimento e à gestão de estudos, mas também do uso das ferramentas.

Invista na capacitação tecnológica do seu time. A tecnologia na educação empodera os professores há muito tempo, transformando-os em verdadeiros designers da aprendizagem

Como gestor, é muito importante, claro ficar atento às notícias todo o tempo também. Já que tudo está mudando tanto e tão rápido. Seja o porta-voz das novidades, isso vai dar autoridade a sua equipe perante a comunidade acadêmica.

Um dica: utilize uma ferramenta de gestão educacional mobile para aproximar gestores e professores dos alunos, tendo em vista que o celular é a ferramenta de rotina dos jovens, com a qual estão a maior parte do tempo.

O ENEM passou a ser uma prova para todos na comunidade acadêmica agora. Você tem que se preparar para que o exame seja um sucesso.

Se você gostou desse assunto, também vai querer ler sobre:

Mundo VUCA e educação: como sua instituição encara este momento?

Como fazer uma gestão de professores

Gamificação e educação: como aplicá-la na instituição de ensino