5 razões que podem aumentar a evasão no ensino superior

A evasão no ensino superior é um dos problemas que mais causam preocupação aos gestores de IES. As taxas de desistência podem ser altas e diminuí-las é um grande desafio.

O segredo para uma gestão eficiente é acompanhar todos os dados de sua instituição, inclusive aqueles que provavelmente estão vinculados à evasão no ensino. Algumas questões importantes, como dificuldade do aluno nos estudos, podem provocar a desistência do mesmo.

Mas, afinal, quais as principais razões que levam à evasão no ensino superior? Continue lendo esse artigo e descubra os motivos que podem levar estudantes de todas as idades à abandonarem o curso dos sonhos.

1. Alto índice de reprovação

É comum que algumas disciplinas nos cursos superiores possuam uma dificuldade e tecnicidade maior do que outras. Porém, se o índice de reprovação nelas é muito alto e o estudante simplesmente não consegue acompanhar o ritmo da disciplina, a IES tem um problema grave em mãos.

Motivos como esse comumente provocam um aumento significativo na evasão de estudantes. Se a quantidade de disciplinas “difíceis” é grande, as chances do estudante desistir logo nos primeiros semestres também aumentam.

A solução é rever os métodos de ensino e até mesmo forma de avaliação dos professores. O objetivo de um curso superior não é reprovar os estudantes, e, sim, ensiná-los e prepará-los para o mercado de trabalho. Logo, se a reprovação é alta é provável que exista algum erro relacionado ao ensino.

Ter dados detalhados sobre as notas e taxa de evasão de alunos em cada disciplina também é fundamental para aumentar a qualidade de ensino. Analise tudo isso e proponha estratégias desde já, para evitar a saída de estudantes que potencialmente podem desistir da matéria.

2. Dificuldades financeiras

Sim, a evasão no ensino superior também pode ter como base uma dificuldade financeira. Afinal, muitos estudantes entram na faculdade com a esperança de mudar de vida, mas podem sentir dificuldade em manter um emprego e estudar ao mesmo tempo.

Ou, ainda, a crise e falta de apoio familiar podem influenciar na falta de dinheiro para manter as mensalidades. Esse é um número de estudantes valioso, e a sua instituição de ensino superior não deve desistir deles.

Um segredo para lidar com o assunto é propor uma assessoria para o estudante, ajudando-o a encontrar bolsas de estudo em que ele se enquadre. Além disso, se há essa chance em sua gestão financeira, também é possível oferecer métodos de financiamento das mensalidades ou até mesmo oferecer parcelamento da dívida.

3. Base ruim do ensino médio

A dificuldade de muitos estudantes pode ter como base um péssimo ensino médio. Isso não é responsabilidade da IES, mas a mesma pode propor estratégias que reduzem a evasão no ensino superior.

O essencial é que a gestão mantenha dados específicos sobre cada estudante, identificando aqueles que possuem uma dificuldade que vem da formação escolar. Propor testes de triagem nos primeiros semestres, por exemplo, pode ajudar a identificar esses estudantes.

Logo após identificados, o papel da IES é oferecer uma estrutura que deixe o estudante seguro. Aulas de reforço, por exemplo, podem ajudar a embasar melhor o conhecimento do estudante e oferecer um suporte para superar suas dificuldades.

4. Falta de um bom atendimento ao aluno

Ninguém gosta de ser mal atendido, muito menos os alunos. Se o atendimento realizado na instituição é precário, é possível que os alunos fiquem insatisfeitos com a faculdade. Isso, a longo prazo, pode se tornar um grande motivo para mudar de instituição.

Treinar bem a equipe que lida com os estudantes é fundamental. Além disso, reduzir a burocracia da instituição e oferecer métodos de atendimento virtual também pode ajudar a aumentar a satisfação de todos.

5. Método de ensino desatualizado

O objetivo das IES é formar estudantes para o mercado de trabalho – e para o futuro. Se o estudante sente que o método de ensino está defasado, ou até mesmo se o currículo do curso está aquém do mercado, é possível que desista da graduação.

Investir em uma atualização de todo o cronograma de ensino, além de oferecer para os estudantes laboratórios atualizados e tecnologia que ajude a fortalecer o aprendizado, são passos cruciais.

O que acha desses motivos de evasão no ensino superior? Conhece outros que também podem gerar problemas para as IES? Caso sim, compartilhe conosco sua experiência nos comentários abaixo!



Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.